Uma anta chamada Fábio Sormani

Fabio Sormani

Os canais de esportes brasileiros presentes na televisão paga são verdadeiros redutos de antas, azedos, parciais que adoram cultuar europeu e dizer que o futebol brasileiro é um lixo desde que seu clube do coração não esteja envolvidos.

Excluindo Mauro Cesar Pereira não participa de concursos de jornalista esportivo mais escroto da atualidade por ser hour concour não há dúvida que atualmente em primeiro lugar da lista encontra-se Fábio Sormani.

Anteriormente estava no ostracismo e não era repercutido por estar na Jovem Pan emissora sem credibilidade e sem audiência porém, sabe-se lá porque foi contratado pela Fox Sports onde diariamente diz as maiores besteiras no Fox Sports Rádio(esse vai merecer um post em breve) sobre assuntos que ele não tem qualquer domínio.

Quer dar opiniões e soluções sobre administração de clubes e arenas como se fosse um requisitado consultor de negócios, comentando futebol europeu é uma tragédia na contra-mão dos fatos tenta dar relevância ao fraquíssimo futebol italiano de atualmente tentando projetar confrontos com equipes brasileiras sem o menor sentido, NBA não tem a menor noção do que fiz e nem conhecimento para querer tecer comentários, quer fazer campanhas para que o torcedor brasileiro frequente estádios como se fosse um jornalista de grande penetração e moral entre o público, futebol nacional não consegue passar isenção por ser excessivamente santista e também só sabe criticar tudo e todos e claro opinando sem jamais deixar o ar arrogante e de dono da verdade.

Parabéns Sormani o primeiro lugar na burrice esportiva é seu! Até o Renato Maurício Prado concordou(vejam só kkkkkkkkkkk).

Categorias:Uncategorized

Opinião:Os estaduais jamais acabarão

Image

Ao contrário do que opina Eric Beting em seu Blog que os estaduais iniciam seu processo de desaparecimento,principalmente após os 9 pontos de média da partida entre Guarani x São Paulo no sábado de carnaval,não acho que os estaduais irão acabar para que clubes façam excursões pela Europa ou fiquem disputando ligas regionais como o Rio-São Paulo por exemplo.

Os estaduais precisam ser fortalecidos com as equipes do interior recebendo maiores cotas da TV para ter a possibilidade de serem mais competitivas e a condição de revelarem jogadores de qualidade como no passado.

Os estaduais sempre foram a fonte de jogadores do futebol brasileiro,é nele que as revelações do interior aparecem e que as pratas da casa dos grandes clubes podem se desenvolver,adquirir competitividade e começar a ter contato com todo o ambiente que envolve um clube de massa no Brasil.

O que seria de Zico,Sócrates,Falcão,Romário,Neto,Raí,Evair e até recentemente Neymar se não fossem os estaduais?Nos estaduais é onde todos esses grandes jogadores do futebol brasileiro se desenvolveram e adquiriram competitividade.

Os estaduais são campeonatos centenários e sempre estiveram no coração do brasileiro,precisam sem fortalecidos e repaginados com isso serão melhores(muitos ainda são) que a maioria dos campeonatos enlatados da Europa.

Imprensa Paulista: 12/12/2012 Morte do jornalismo esportivo

Na verdade o jornalismo esportivo paulista já morreu há algumas décadas, mas ontem dois fatos fizeram o enterro formal dos incompetentes jornaleiros personificados em nomes como Vanderlei Nogueira,Luis Ademar,Flávio Gomes,Alexandre Praetzel entre outros.

O primeiro fato ocorreu em Toyota no Japão, jornalistas brigando com as imagens e tentando provar que não havia mais de 10 mil corinthianos torcendo por seu clube contra o Al-Ahly, como exibido na foto abaixo contra imagens não há o que argumentar… Não é mesmo Vanderlei Nogueira?Não é mesmo Luiz Ademar Junior?Não é mesmo Flávio “Bichona” Gomes?

Image

 

O segundo e mais grave na final da Copa Sul-americana, que até pouco tempo não valia nada mas com o São Paulo na final passou para a mídia paulista a ter o mesmo valor da Copa Libertadores… Não sabemos quem iniciou a confusão nos vestiários do Tigre, os jogadores argentinos se contradizem no discurso, a PM não é conclusiva nas entrevistas sobre o assunto e o São Paulo não se manifesta.

O vergonhoso é a imprensa paulista não averiguar o ocorrido, exceto a Fox Sports que tentou mostrar os dois lados e dar alguma conclusão sobre o caso, o restante da imprensa paulista tomou partido do clube brasileiro, ficou ofendendo os atletas argentinos e alguns mais exagerados incitando mais violência contra os argentinos.

Image

Os atletas e diretivo do Tigre não são bonzinhos como aparentaram nas entrevistas para a Fox Sports, mas não abandonariam o campo apenas por estarem perdendo o jogo, provavelmente foram agredidos por seguranças do São Paulo e PM, os motivos das agressões não foram apurados por aqueles que deveriam se preocupar em relatar os fatos e não tomar partido.

12/12/2012 RIP IMPRENSA ESPORTIVA.

Categorias:Uncategorized

Renato Maurício Prado: Demitido!

http://veja.abril.com.br/blog/radar-on-line/televisao/galvao-versus-renato-a-hora-final/

O ataque de mau-humor de Galvão Bueno sobre Renato Maurício Prado durante a Olimpíada teve o seu ponto final. Renato deixa o Sportv.Seu contrato, que já tinha expirado, não será renovado.

A direção do Sportv, inicialmente, até planejou botar a turma do deixa-disso em campo para apaziguar os ânimos e reconciliar a dupla.Mas desistiu.

Por Lauro Jardim

Não fará a menor falta aos programas do Sportv, que poderia seguir com a faxina e dar um fim em André Rizek,Lédio Carmona – O Mauro Cesar Pereira do Sportv – e outros torcedores travestidos de jornalista, além da chata bancada gaucha  com bairrismo e um falso ar de superioridade.

O Sportv fez uma grande cobertura dos jogos olímpicos de Londres deixando de fora toda essa turminha e o telespectador não sentiu falta de profissionais fracos,a demissão de Renato Maurício Prado é um grande favor prestado aos assinantes.

Categorias:Uncategorized

UOL:Culto ao texto nazista de Odir Cunha

Image

Não vou repercutir as besteiras ditas pelo conselheiro santista e jornalista(?) Odir Cunha,demostrou ser um desequilibrado,sem noção e preconceituoso com um texto que parecia cópia de artefatos nazistas difundidos pelo mundo por escórias da sociedade.

Vou criticar meios de comunicação que divulgam uma barbaridade dessas quando deveriam eliminar lixos como escrito pelo tal Odir Cunha,cidadão que deve no minímo ser processado pelos aficionados corintianos.

Pra variar o UOL atráves do “esperto” Milton Neves divulga o conteúdo preconceituoso com toda pompa para deleite dos ignorantes,finalizando o show de horror com a pergunta:E você, odeia o Corinthians? Por que?

Questões como essa só fazem aumentar a violência nos estádios e afastam o torcedor de bem,não há compromisso com o bom-senso ou então com a promoção do espetaculo pela ótica do bem é melhor dar ouvidos ao desequilibrio,a celebração do ódio e tudo que possa vir de negativo ao confronto.

Estamos chegando ao ponto de ler textos com características nazistas sendo divulgados por veículos de grande audiência sem o menor cuidado.Onde iremos parar?Não sei!Vindo do UOL então qualquer besteira pode vir… Antes que eu me esqueça,que nas semifinais da libertadores vença o Corinthians e sua torcida apaixonada,de todas as classes,cores,credo e sem preconceitos.

Categorias:Uncategorized

Flapress no caso Ronaldinho Gaúcho

Image

Impressionante a capacidade da Flapress (reunião de jornalistas flamenguistas) em distorcer os fatos em favor do Flamengo. Após o pedido de recisão contratual por parte de Ronaldinho Gaúcho não param de surgir criticas ao jogador por suas saídas em baladas cariocas e pela postura em determinadas situações.

Em partes até concordo com algumas dessas criticas principalmente na questão marketing, Ronaldinho jamais utilizou sua imagem para obter recursos financeiros ao clube,quando o Flamengo vencia Ronaldinho se limitava a dizer “Flamengo é Flamengo”,quando perdia se calava ou então repetia a celebre frase dita na eliminação brasileira da copa da Alemanha 2006 “É muito triste”, não criava qualquer relação mais próxima com patrocinadores e imprensa e toda a bajulação em cima do torcedor do Flamengo era dita apenas para fazer média, em momento algum Ronaldinho teve empatia com a torcida.

Mas não acho que Ronaldinho tenha jogado tão mal assim com a camisa do Flamengo, a questão é bem simples, o ex-melhor do mundo jogou bola enquanto recebia o milionário salário da Traffic, vide as boas atuações no primeiro e parte do segundo turno do campeonato brasileiro do ano passado, no momento em que o jogador deixou de receber começou a abusar das farras e não mais levar o clube a sério.

A Flapress deveria criticar a diretoria de seu clube que assumiu um compromisso com o jogador sem ter condições financeiras para mante-lo, jogador algum nos tempos atuais irá suar a camisa sem receber seu salário em dia.

Ronaldinho não é nenhum exemplo de profissionalismo, mas criticar o jogador para desviar o foco da incompetência da diretoria flamenguista é muita burrice, o jogador dessa vez está com a razão e quem quer cobrar resultados e profissionalismo deve dar exemplo,coisa que a diretoria do Flamengo jamais fez em toda a história do clube, tudo isso com o aval da Flapress sempre atenta e pronta para defender os absurdos da Gavea.

Categorias:Uncategorized

Jornaleiros: Agora o Tira-Teima não presta

Alguns dados sobre o funcionamento do software Tira-Teima utilizado pela Rede Globo:

  • 1 – Primeiro, o computador é alimentado com os pontos fixos de referência do campo em que ocorrerá a partida, como a altura das traves e as dimensões da grande área. Com esses dados, as máquinas criam uma imagem 3D da cena, um campo virtual, idêntico ao de verdade. Depois, um operador casa os pontos do campo virtual com a imagem do real.
  • 2 – Com o campo virtual pronto, o próximo passo é mostrar para o computador onde estão as partes móveis do lance a ser analisado (jogadores, bola, juiz). Isso é feito manualmente: os operadores pausam uma imagem e indicam as posições. Para construir uma sequencia animada, esse processo é repetido várias vezes nas inúmeras cenas do lance.
  • 3 – O computador transforma os pontos móveis dos jogadores em bonecos no campo virtual. As posições deles são remarcadas pelos operadores para indicar à máquina quando um jogador mudou de direção, por exemplo. A partir disso, o computador cria automaticamente uma animação em 30 quadros por segundo, o que dá a ilusão de movimento.
  • 4 – A animação serve apenas para dar um charme. Só as cenas marcadas manualmente podem ser rotacionadas em 360 graus, por exemplo, oferecendo um ângulo de visão diferente para o mesmo lance. Assim, pode-se encontrar jogadores impedidos com precisão. Para calcular a distância entre dois atletas, usam-se como referência os dados já armazenados sobre os pontos fixos do gramado.

 O Tira-Teima é o chamado olho eletrônico que muitos de nossos jornaleiros defendem a sua utilização como solucionador de erros de arbitragem, o que eu concordo devido à exatidão do software na solução de lances polêmicos. É usado pela Rede Globo desde a Copa do México de 1986, ao longos das três últimas décadas com a entrada de novas tecnologias foi sendo aprimorado e ficando cada vez menos parecido com um game devido a utilização de imagens reais de lances polêmicos,é sem dúvida alguma um produto consolidado e sem bugs (termo utilizado na informática para erros de programação em softwares) que já esclareceu diversos lances polêmicos ocorridos no futebol.

Bastou o software esclarecer um gol irregular marcado contra o Corinthians para jornaleiro azedo e espantador de audiência começar a colocar em dúvida a eficácia do software e outras estapafúrdias teses de conspiração.Já ouvi que o Corinthians “comprou” o tira-teima, que a Globo manipulou o lance para ajudar o clube paulista entre outras besteiras… O software provou que o jogador vascaíno está impedido, não vou brigar com o as imagens e muito menos colocar em dúvida um produto que está há tanto tempo e com sucesso no mercado.

Categorias:Uncategorized